Páginas

segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

Como posso ajudar?



Traduzidas em números, ações simples em prol da preservação da natureza ficam muito mais convidativas. Veja o valor dos pequenos gestos e faça a sua parte!!!

Por Regina Terraz
Revista Gloss – 01/2009

1. O chuveiro elétrico consome de 25% a 35% da energia gasta em uma casa. Se você reduzir o tempo de banho de 12 para 6 minutos, vai gerar uma economia de eletricidade suficiente para acender uma lâmpada de 100 watts por 7 horas.

2. Produzir alumínio requer 22 vezes mais energia que reciclá-lo. O reaproveitamento de uma única latinha de cerveja, por exemplo, representa uma economia de luz suficiente para manter ligada uma televisão por três horas!

3. Tenha sempre à mão uma sacola reutilizável para compras – em São Paulo, os sacos plásticos de supermercados correspondem a 40% das embalagens jogadas fora e ocupam de 15% a 20% do volume de um lixão.

4. Levar uma caneca para o trabalho ajuda a diminuir a quantidade de copos plásticos descartados.

5. O consumo desenfreado é outro vilão do meio ambiente. Segundo a americana Annie Leonard, especialista em saúde ambiental e autora do filme The Story of Stuff (algo como a História das Coisas),
99% dos produtos consumidos nos Estados Unidos são jogados fora seis meses depois da compra.

6. Na cidade de São Paulo, seis em cada dez automóveis circulam com uma só pessoa. Isso significa mais trânsito, poluição e gastos. Compartilhar o carro alivia o bolso, o pulmão e as ruas. Empresas como Basf, Mantecorp e Serasa já criaram grupos de caronas entre funcionários. Que tal organizar um?


PARA CLICAR
Carona na web
Mostre qual é o seu trajeto e descubra se há interessados em dividir o carro.

sábado, 10 de janeiro de 2009

Datas Ambientais

Janeiro
01- dia da confraternização universal / dia internacional da paz
11- dia do controle da poluição por agrotóxicos
Fevereiro
06- dia do agente de defesa ambiental
Março
01- dia do turismo ecológico
03- dia do meteorologista
21- dia internacional da floresta e da infância
22- dia internacional da água
23- dia internacional do meteorologista e da juventude
Abril
07- dia mundial da saúde
15- dia da conservação do solo
19- dia do índio
22- "descobrimento" do Brasil e dia da Terra
23- dia mundial do escoteiro
28- dia da educação
Maio
03- dia do solo
05- dia do campo
13- dia do zootecnista e da fraternidade brasileira
22- dia do apicultor
25- dia do trabalhador rural
27- dia nacional de luta pela Mata Atlântica
29- dia do geógrafo e do estatístico
30- dia do geólogo
Junho
05- dia internacional do meio ambiente e da ecologia
17- dia mundial da luta contra a desertificação
18- dia do químico
23- dia do lavrador
Julho
01- início da semana de prevenção contra incêndios
04- dia internacional do cooperativismo
12- dia do engenheiro florestal
13- dia do engenheiro sanitarista
16- dia mundial da alimentação
17- dia do protetor das florestas
28- dia do agricultor
Agosto
05- dia da saúde
14- dia do controle da poluição industrial e da unidade humana
28- dia do voluntariado
Setembro
03- dia do biólogo
05- dia mundial da amazônia
11- dia nacional do cerrado
16- dia internacional da preservação da camada de ozônio
21- dia da árvore
22- dia de defesa da fauna e do Rio Tietê
Outubro
01- início da semana de proteção aos animais
02- dia nacional do habitat
04- dia internacional da ecologia, da natureza e dos animais
05- dia internacional das aves
12- dia do agrônomo, da criança e do mar
15- dia do educador ambiental e do professor
16- dia internacional da alimentação e da ciência e tecnologia
17- dia da apicultura
Dezembro
07- dia do Pau-Brasil
10- dia da declaração universal dos direitos humanos
15- dia do jardineiro

quarta-feira, 7 de janeiro de 2009

Mobilize e faça ainda mais!

  • Junte-se a um grupo de voluntários para melhorar as condições sócio-ambientais de onde mora.
  • Assine petições a favor de medidas ambientais
  • Plante uma árvore. Ela proporciona sombra e bem-estar. Além disso, você estará contribuindo para evitar o aquecimento global. Em média, uma árvore absorve 200Kg de carbono durante seu crescimento, evitando que haja mais CO2, o principal gás de efeito estufa, na atmosfera.
  • Denuncie queimadas irregulares. O fogo pode se alastrar destruindo o hábitat de milhares de animais, além jogar gases causadores do aquecimento global na atmosfera.
  • Invista em empresas com políticas socioambientais.
  • Proponha a adoção de uma política de responsabilidade sócio-ambiental no seu trabalho.
  • Passe estas dicas adiante!


Dicas: como você pode ajudar o meio ambiente

Vazamentos: Esta é uma das principais fontes de desperdício de água na residência. Eles podem ser evidentes (como uma torneira pingando) ou escondidos (no caso de canos furados ou de vaso sanitário). Uma torneira mal fechada pode desperdiçar 46 litros de água em um dia. Com uma abertura de 1 mililitro, o fiozinho de água escorrendo será responsável pela perda de 2068 litros de água em 24 horas. No caso de vazamentos em vasos sanitários, verifique se há água escorrendo. Para isso, jogue cinzas, talco ou outro pó fino no fundo da privada e observe por alguns minutos. Se houver movimentação do pó ou se ela sumir, há vazamento. Outra forma de detectar um vazamento é através do hidrômetro (ou relógio de água) da casa. Para tanto, siga os seguintes passos:
Feche todas as torneiras e desligue os aparelhos que usam água na casa (só não feche os registros na parede, que alimentam as saídas de água).
Anote o número indicado no hidrômetro e confira depois de algumas horas para ver se houve alteração ou observe o círculo existente no meio do medidor (meia-lua, gravatinha, circunferência dentada) para ver se continua girando.
Se houver alteração nos números ou movimento do medidor, há vazamento.
Caso seja viável, instale redutores de vazão em torneiras e chuveiro.
Banho: Ao ensaboar-se, feche as torneiras. Não deixe a torneira aberta enquanto ensaboa as mãos, escova os dentes ou faz a barba. Evite banhos demorados. Reduzindo 1 minuto do seu banho você pode economizar de 3 a 6 litros de água. Imagine numa cidade onde vivem aproximadamente 2 milhões de habitantes. Poderíamos ter uma economia de, no mínimo, 6 milhões de litros.Vaso sanitário.Quando construir ou reformar, dê preferência às caixas de descarga no lugar das válvulas; ou utilize aquelas de volume reduzido. Não deixe a descarga do banheiro disparar (no caso de acionados por válvulas).
Torneiras: Instale torneiras com aerador ("peneirinhas" ou "telinhas" na saída da água). Ele dá a sensação de maior vazão, mas, na verdade, faz exatamente o contrário.
Louça: Lave as louças em uma bacia com água e sabão e abra a torneira só para enxaguar. Use uma bacia ou a própria cuba da pia para deixar os pratos e talheres de molho por alguns minutos antes da lavagem, pois isto ajuda a soltar a sujeira. Utilize água corrente somente para enxaguar.
Verduras: Para lavar verduras use também uma bacia para deixá-las de molho (pode ser inclusive com algumas gotas de vinagre), passando-as depois por um pouco de água corrente para terminar de limpá-las.
Roupa: Lave de uma vez toda a roupa acumulada. Deixar as roupas de molho por algum tempo antes de lavar também ajuda. Ao esfregar a roupa com sabão use um balde com água, que pode ser a mesma usada para manter a roupa de molho. Enquanto isso, mantenha a torneira do tanque fechada. Enxagüe também utilizando o balde e não água corrente. Se você tiver máquina de lavar, use-a sempre com a carga máxima e tome cuidado com o excesso de sabão para evitar um número maior de enxágües. Caso opte por comprar uma lavadora, prefira as de abertura frontal que gastam menos água que as de abertura superior.
Jardins e plantas: Regar jardins e plantas durante 10 minutos significa um gasto de 186 litros. Você pode economizar 96 litros se tomar estes cuidados:
Regue o jardim durante o verão pela manhã ou à noite, o que reduz a perda por evaporação;
Durante o inverno, regue o jardim em dias alternados e prefira o período da manhã;
Use uma mangueira com esguicho tipo revólver;
Cultive plantas que necessitam de pouca água (bromélias, cactos, pinheiros, violetas);
Molhe a base das plantas, não as folhas;
Utilize cobertura morta (folhas, palha) sobre a terra de canteiros e jardins. Isso diminui a perda de água;
Água da chuva: Aproveite sempre que possível a água de chuva. Você pode armazená-la em recipientes colocados na saída das calhas ou na beirada do telhado e depois usá-la para regar as plantas. Só não se esqueça de deixá-los tampados depois para que não se tornem focos de mosquito da dengue!
Carro: Substitua a mangueira por um balde com pano para retirar a sujeira do veículo. Lavar o carro com a torneira aberta é uma das piores e mais comuns maneiras de desperdiçar água.
Calçada: Evite lavar a calçada. Limpe-a com uma vassoura, ou lave-a com a água já usada na lavagem das roupas. Utilize o resto da água com sabão para lavar o seu quintal. Depois, se quiser, jogue um pouco de água no chão, somente para "baixar a poeira". Para isto você pode usar aquela água que sobrou do tanque ou máquina de lavar roupas.
Mobilize seus amigos e vizinhos: Se você mora em apartamento, estimule seus vizinhos a economizar água e cobre vistorias do condomínio. Assim você gasta menos e ainda ajuda ao meio ambiente. Você pode começar repassando este texto para seus amigos!

Cuide dos recursos hídricos




  • Conserte torneiras que estiverem pingando. Isso poderá evitar o desperdício de até 45 litros de água por dia.


  • Instale torneiras com aerador - "peneirinhas" ou "telinhas" - na saída da água. Assim você acaba utilizando menos água.



  • Evite utilizar a mangueira para limpar jardins, calçadas, passeios e quintais. Use uma vassoura para executar essa tarefa. É mais rápido e não gasta água.


  • Utilize um regador para molhar as plantas. Quando a mangueira é utilizada para este fim, muita água é desperdiçada.
    Substitua a mangueira por um balde e um pano para lavar seu veículo. O consumo de água será muito menor.


  • Desligue a mangueira quando não estiver sendo usada. Isso evita o desperdício de água.
    Feche a torneira enquanto ensaboa as mãos, escova os dentes ou faz a barba. Não desperdice água.


  • Colete água da chuva para regar suas plantas. Assim você não gasta água encanada. Mas lembre-se de armazená-la em um recipiente fechado para evitar a proliferação do mosquito da dengue.


  • Lave a louça em uma bacia com água e sabão e abra a torneira só para enxaguar. É mais barato e melhor para o meio ambiente.
    Conserte vazamentos nos canos em sua casa assim que detectá-los. Sua conta de água diminuirá e o meio ambiente agradecerá.


  • Junte as roupas para lavar e passar. Desta maneira, você gasta menos água e menos energia elétrica.

Conheça os benefícios da coleta seletiva


Papel

A cada 28 toneladas de papel reciclado evita-se o corte de 1 hectare de fl oresta (1 tonelada evita o corte de 30 ou mais árvores);

A produção de uma tonelada de papel novo consome de 50 a 60 eucaliptos, 100 mil litros de água e 5 mil KW/h de energia. Já uma tonelada de papel reciclado consome 1.200 Kg de papel velho, 2 millitros de água e 1.000 a 2.500 KW/h de energia;
A produção de papel reciclado dispensa processos químicos e evita a poluição ambiental: reduz em 74% os poluentes liberados no ar e em 35% os despejados na água, além de poupar árvores;

A reciclagem de uma tonelada de jornais evita a emissão de 2,5 toneladas de dióxido de carbono naatmosfera;

O papel jornal produzido a partir das aparas requer 25% a 60% menos energia elétrica do que a necessária para obter papel da polpa da madeira.

Metais

A reciclagem de 1 tonelada de aço economiza 1.140 Kg de minério de ferro, 155 Kg de carvão e 18 Kgde cal;

Na reciclagem de 1 tonelada de alumínio economiza-se 95% de energia (são 17.600 kwh para fabricar alumínio a partir de matéria-prima virgem, contra 750 kwh a partir de alumínio reciclado) e 5 toneladas de bauxita, além de evitar a poluição causada pelo processo convencional, reduzindo 85% da poluição do ar e 76% do consumo de água;

Uma tonelada de latinhas de alumínio, quando recicladas, economiza 200 metros cúbicos de aterros sanitários;

Vale lembrar que que 96% das latas no Brasil são recicladas, superando os índices de países como o Japão, Inglaterra, Alemanha, Itália, Espanha e Portugal. Entretanto, este número pode chegar próximo a 100% dependendo de suas atitudes!


Vidro

O vidro é 100% reciclável, portanto não é lixo: 1 kg de vidro reciclado produz 1 kg de vidro novo;
As propriedades do vidro se mantêm mesmo depois de sucessivos processos de reciclagem, ao contráriodo papel, que vai perdendo qualidade ao longo de algumas reciclagens;

O vidro não se degrada facilmente, então não deve ser despejado no solo;
O vidro, em seu processo de reciclagem, requer menos temperatura para ser fundido, economizando aproximadamente 70% de energia e permitindo maior durabilidade dos fornos;

Uma tonelada de vidro reciclado evita a extração de 1,3 tonelada de areia, economiza 22% no consumo de barrilha (material importado) e 50% no consumo de água.


Plásticos

Todos os plásticos são derivados do petróleo, um recurso natural não renovável e altamente poluente;
A reciclagem do plástico economiza até 90% de energia e gera mão-de-obra pela implantação de pequenas e médias indústrias;

100 toneladas de plástico reciclado evitam a extração de 1 tonelada de petróleo.